Amazon: Um caso de Estudo

A Amazon surgiu em 1995 e tem sido desde o seu nascimento uma plataforma de venda online e, cujo principal objectivo é facilitar aos utilizadores a compra dos produtos da forma mais simples e cómoda. Inicialmente, surgiu como a “Maior livraria do mundo”. Aos poucos, veio estabelecer-se como uma opção online para encomendar novos produtos. E, foi com o Google Adwords que iniciou a sua estratégia de Marketing Digital através do Google Adwords.

No que respeita ao Cross selling, o site da Amazon providencia a opção de comprar um pack de livros ou outros produtos, ao ter a secção “Quem comprou este artigo, também comprou aquele”. Isto, permite ao utilizador optar não apenas por um, mas por mais artigos.

Um dos aspectos da retalhista é a aposta no Content Marketing.  Josh Steimle da Forbes define o Content Marketing do seguinte modo:

“Content marketing  é a técnica de criar e distribuir conteúdo relevante, valioso e consistente para atrair e adquirir um segmento mais definido – com o objectivo de gerar uma acção proveitosa da parte do consumidor”

Essa aposta baseia-se em duas vertentes:

+ Sistema de Recomendações – Dando o exemplo dos livros, este sistema personalizado de recomendação  tem em conta o gosto dos leitores e cria um conjunto de artigos alternativos como sugestão de compra para o consumidor. Se eu gosto de livros históricos e compro a Phillipa Gregory, posso contar com um conjunto de livros do mesmo género e, em ocasiões, outros da mesma autora. Estas sugestões podem tanto ser encontradas no site como ser enviadas por e-mail.

A Amazon baseia as suas recomendações nos artigos que compramos e procuramos. Tendo em conta os gostos dos consumidores, a Amazon permite que retiremos produtos que não nos interessam daqueles que usa para nos dar sugestões. Apenas teremos que clicar no botão “not interested” e o problema está resolvido.

+ Reputação Social

Amazon aumenta a sua credibilidade com a possibilidade dos utilizadores colocarem as suas opiniões em qualquer produto que tenham comprado. Além de terem a possibilidade de escrever reviews, os utilizadores podem usar um sistema de rating para avaliar o produto que vai de 1 a 5. A opinião de cada utilizador pode também ser avaliada por outros utilizadores.  Para Smyth (2011) isto permite um “power check” no negócio tradicional.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s